Próprias Mãos

|


Não quero falar de amor, nem dos correspondidos e nem dos que te fazem despedaçar. Eu também cansei de falar de sonhos, de manter a esperança viva independentemente do tempo que passe e das dificuldades que apareçam. Não vou pedir pra seja lá quem for que não desista e que dê valor somente as coisas que merecem. Tenho milhões de idéias embaralhadas dentro da cabeça e de cada uma delas, nada sai. Talvez porque eu tenha me acostumado a esperar que alguém leia e que não desconfie das coisas que sinto ou penso. E em outras vezes, é exatamente o que pretendo que aconteça. Eu prefiro ficar aqui de olhos fechados e só pensar, fingir que escrevo e que minhas mãos estão falando por mim. Tenho acreditado que elas falam mais do que deveriam.

8 comentários:

Juh Oliveto disse... Responder comentário

Gostei do texto e AMEI a imagem que ilustra o post. Linda, linda!
Seu blog tá muito bacana, adoreeei o layout, parabéns! :))

:*
Juh Oliveto
Livros & Bolinhos ~

Bruna disse... Responder comentário

As mãos sempre falam demais, não é? Mas no meu caso, falam melhor do que a voz, com certeza.
Beeijo

Anônimo disse... Responder comentário

Nossa, tem um dom impressionante... muito linda as suas palavras! esta de parabéns! (:

Anônimo disse... Responder comentário

ameeeei o seu texto... mt mt lindo!
beeeijos Bruna Campos ;*

Ellen Damaris disse... Responder comentário

nossa arrazooou !

é complicado nao falar do amor né ? vs está amando ?
nossa vs se inspirou em que pra escrever esse texto maravilhoso, parece que ele foi feito pra mim !

beijão

Pri disse... Responder comentário

Belas palavras Caio! Vc tem talento garoto!
Parabéns pela delicadeza com que você constroi cada frase!
Beijo grande e ótima semana pra vc

Anônimo disse... Responder comentário

cara , você é super de mais . Muito bom *-*

Anônimo disse... Responder comentário

mt interessante seu texto, ameei *-* / luuh Albuquerque :*

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...