Querida Lucia

|




Querida Lucia,
Espero que entenda o que escrevo aqui de coração. Vai ser difícil entender, até porque é impossível escrever o que eu sinto. Talvez você me ache imaturo, idiota, covarde e inseguro por escrever a ti uma carta com pedido de desculpa, mas como dizia o grande John Lennon “amar significa pedir desculpas de 15 em 15 minutos” e eu concordo em partes. Aliás, no meu caso é diferente, tendo em vista  que tenho que me pedir desculpas de 5 em 5 minutos por está me auto-destruindo e me magoando cada vez mais em saber que não te tenho comigo por minha própria culpa, mas nada é feito como imaginamos, ainda mais quando tudo que imaginamos é  um amor ferido, traído, magoado, desgastado e sofrido e o que mais me incomoda é te ver com outro e saber que isso é o melhor pra você… Enquanto podia estar comigo.

I miss you.
Peter.

Mais uma carta, mais um rabisco e nenhuma coragem de entregá-la. Lucia continuava criando cartas fingindo serem feitas pelo Peter. O amor prega peças e a platéia não é capaz de aplaudir.

7 comentários:

Taíssa - BMS disse... Responder comentário

Amei! É você quem cria?!
Beijos!

Hoho'n disse... Responder comentário

Magnífico. Sem mais.

naomemandeflores disse... Responder comentário

Bravo Caio!


Camila F.

Rodrigo disse... Responder comentário

já disse isso, a gaveta amadurece os textos.
as vezes guardar e não entregar é a escolha certa (Y)
abrç

Tiffannyk disse... Responder comentário

Lindo, e me lembrou a musica 'A Carta' do Renato Russo e Erasmo Carlos.
Também fiquei curiosa, você que cria?

beijos.

Maria Eduarda Boaventura disse... Responder comentário

Seus textos expressam muita emoção!

chaoskontrolowany disse... Responder comentário

Pretty photo <3

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...